Inclusão Digital

Inclusão Digital

O Instituto Idear promove a inclusão sócio-digital em organizações públicas e privadas buscando ampliar o acesso à informática nas comunidades de menor poder aquisitivo, levando o mundo digital a escolas, bibliotecas, casa do trabalhador, à cadeia pública e até mesmo tribos indígenas.

Projetos de Inclusão Digital liderados pelo Instituto Idear:

Rede de Formação

O projeto Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital faz parte do Programa Nacional de Apoio à Inclusão Digital nas Comunidades, o TelecentrosBR e é direcionado aos tutores, monitores e gestores de telecentros como forma de aperfeiçoar o conhecimento e expandir ainda mais a inclusão digital. O projeto promove a formação desses agentes de inclusão digital que atuam nos telecentros inseridos em comunidades. A atuação deles vai além de ministrar cursos de informática, pois também orientam quanto à utilização das ferramentas digitais como editor de textos, editor de imagens ou vídeos, softwares livres, redes sociais, e fomentam o desenvolvimento de projetos comunitários nos municípios. Mais informações no site www.telecentros.br.com.

O Instituto Idear Idear coordena o Polo Nordeste Setentrional da Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital do Programa Telecentros.BR gerenciando a capacitação de agentes de inclusão digital nos estados do Ceará, Maranhão, Piauí e Rio Grande do Norte.

Como participar: As inscrições para participar do projeto Rede Nacional de Formação para Inclusão Digital são feitas por intermédio das Iniciativas, instituições que fazem parte dos cursos Telecentros.br e trabalham com inclusão digital.
 
Informações pelo Tel:. (85) 3382-6273.
 
Parceiros: Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (Governo Federal)

SeLiga

O SeLiga é um projeto de inclusão digital da Prefeitura de Maracanaú com a gerência do Instituto Idear, que proporciona capacitação profissional, informática educativa e acesso livre a telecentros em Maracanaú, localizados em escolas públicas, tribo indígena, Biblioteca Pública, na Cadeia Pública de Maracanaú, na Casa do Empreendedor, além da Casa do Trabalhador no município de Caucaia. O projeto possui hoje cerca de 52 telecentros, capacitando cerca de 30 mil pessoas.
 
Para promover a inclusão digital, o SeLiga proporciona capacitação profissional, informática educativa e acesso livre a telecentros fazendo da tecnologia um instrumento capacitador, transformador e útil para a vida das pessoas socialmente excluídas.
 
Para promover a qualificação profissional, o SeLiga oferece à comunidade cursos profissionalizantes, majoritariamente no formato de Educação a Distância (EaD), nas áreas administrativas e computacionais, por meio da utilização de itinerários formativos.
 
O projeto SeLiga está em operação desde 2007 e já beneficiando com oficinas, cursos online, presenciais e acessos orientados à Internet às comunidades de menor poder aquisitivo. Mais informações no site www.seliga.idear.org.br.
 
Como participar: As inscrições para preencher as vagas nas oficinas e cursos do SeLiga oferecidos nos telecentros de Maracanaú e Caucaia podem ser feitas nas diversas unidades onde estão instalados os 52 telecentros. O usuário ao chegar no telecentro será informado sobre a documentação necessária e solicitado a preencher um cadastro no programa. Em seguida receberá as informações sobre os horários de funcionamento, os serviços oferecidos, e períodos e horários das próximas turmas. O usuário tem como opção se escrever para fazer um curso ou agendar um horário para acessar a internet.
 
Informações pelo Tel:. (85) 3521-5110.  
 
Parceiros: Prefeitura de Maracanaú, Prefeitura de Caucaia, IFCE, Instituto HSBC de Solidariedade.

 
 
Você está aqui: Home Inclusão Digital